Por que planejar?

Por que planejar?

Planejamento é um dos meios mais eficazes para atingir os objetivos

 

Na vida pessoal ou profissional, o planejamento é um tema extremamente importante. Por isso, faz parte de nossos treinamentos e trabalhos de consultoria, é tema recorrente aqui no blog e está sempre presente no dia a dia de muitas pessoas. Mas você sabe qual é a importância dele? Por que planejar?

Para responder a essa pergunta, imagine que visitamos um prédio charmoso e com uma ótima área para instalar cada setor da nova filial da empresa, precisando apenas de alguns ajustes. No entanto, descobrimos que o lugar foi concebido sem a elaboração de um projeto. O que pensaríamos sobre os responsáveis? Como saber que a construção é segura, se tanto o arquiteto, como o engenheiro não sabem quais são os pilares de sustentação, por exemplo? Como realizaríamos as adaptações que a companhia necessita?

Olhando para esta situação, parece até um absurdo, não é mesmo? Mas, ao trazermos isso para a nossa realidade, muitas vezes nós também agimos assim: construímos uma obra sem projetar a planta antes. Nem sempre nos damos ao trabalho de organizar as tarefas, delegar funções, conferir as ferramentas, estar preparados para lidar com imprevistos.

Ao planejar, nós concebemos e ordenamos um conjunto de medidas que devem ser feitos de acordo com as condições dispostas (material, tempo, dinheiro…) para atingirmos um objetivo fixado. Definimos um trajeto a ser percorrido munidos de meios para dominarmos a situação e realizar com maestria o que queremos.

Na prática, isso permite prever e determinar as etapas, precaver-se de imprevistos, consertar aquilo que porventura não funcionou – com tempo hábil, acompanhar o desenrolar das ações e saber se estão dentro ou não das expectativas, enquanto atuamos para transformar em realidade o que foi colocado no papel.

Em um breve resumo, um planejamento estabelecido e bem feito ajuda a:

  • Obter uma visão geral de todas as operações até alcançar o objetivo final;
  • Ter um instrumento de controle, no decorrer do desenvolvimento das ações;
  • Se libertar dos detalhes secundários, não retendo senão o essencial;
  • Se certificar do progresso na direção desejada e a possibilidade de corrigir possíveis desvios com maior respaldo.

O controle e o domínio do plano a ser seguido trazem um sentimento de segurança e de confiança pessoal que, por si só, é também um fator de eficácia nas ações – afinal, as dúvidas e os receios nos fazem perder tempo e privam-nos da lucidez que precisamos para trabalhar de forma eficaz e produtiva. Ou seja, o planejamento é um investimento em que programamos nossos movimentos a fim de atingir as metas de forma mais eficiente e conquistar melhores resultados.

Comentário

Deixe um comentário

três × 3 =

XHTML: Você pode usar: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Siga-nos nas redes