Como desenvolver a sua empatia

Post2

Conheça algumas dicas para praticar a sua capacidade de se colocar no lugar do outro

 A empatia é uma poderosa ferramenta, tanto na vida pessoal, como na profissional. A capacidade de se colocar no lugar do outro tem uma função fundamental na construção de relacionamentos, em saber lidar com diferentes públicos e trabalhar em equipe. Não é à toa que este é um assunto que faz parte das premissas da Dynargie, e também, uma das habilidades relacionadas à inteligência emocional mais procuradas pelas empresas. Por isso, separamos algumas dicas de como desenvolver ou aprimorar a sua empatia.

Seja tolerante

O primeiro passo é ser tolerante. Ao julgar ou criticar, ainda que mentalmente, a sua concentração perde o foco e é desviada para uma imagem criada por você mesmo – que muitas vezes pode ser distorcida da realidade. Por consequência, isso poderá afetar os elos de confiança entre ambas as partes. Então, para praticar essa sintonia, é preciso, primeiramente, se livrar de quaisquer pré-conceitos e estar disposto a conhecer verdadeiramente o seu interlocutor.

Escute receptivamente

Escutar receptivamente significa estar aberto e interessado naquilo que está sendo dito, dedicando a sua atenção a isso. Dessa forma, será possível “ler nas entrelinhas”, observando pequenos sinais como um brilho no olhar, um sorriso sutil, a mudança no tom de voz. Tais sinais podem indicar sensações e características, com as quais, sem querer, podemos nos identificar.

Projete-se na outra pessoa

De acordo com o dicionário, empatia significa a “projeção imaginária ou mental de um estado subjetivo, quer afetivo, quer contato ou cognitivo, nos elementos de uma obra de arte ou de um objeto natural, de modo que estes parecem imbuídos dele”. Ou seja, pratique a arte de se imaginar vivendo a situação que o outro está passado, no intuito de tentar sentir na pele o mesmo que ele está sentindo.

Pergunte

Às vezes, é necessário mais informações para tentar entrar a fundo no personagem. Então, pergunte, explore como o outro se sente. As perguntas possuem um ponto positivo por demonstrarem interesse no assunto. Contudo, tome cuidado para não depreciar nada, nem ninguém. A intenção deve ser compreender melhor os fatos e se mostrar próximo.

Comentário

Deixe um comentário

1 × 5 =

XHTML: Você pode usar: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Siga-nos nas redes