Evento da Amcham debate como lidar com diferentes gerações na mesma empresa

IMG_0670

Patrocinado pela Dynargie, encontro abordou as principais questões e possibilidades

As empresas vivem hoje um momento desafiante: com a entrada da geração Z no mercado de trabalho, elas passaram a ter em seus quadros de colaboradores pelo menos quatro gerações. Convencionou-se chamar de Baby Boomers as pessoas nascidas durante a explosão demográfica ocorrida no pós-guerra, entre os anos de 1946 e 1964. Cronologicamente, eles foram seguidos pelas gerações X, delimitada entre os anos 1965 e 1977; Y, que abrange os nascimentos ocorridos entre o final da década de 1970 e meados da década de 1990 e a Z, que se estende até 2010.

Com isso, as empresas passaram a lidar com demandas mais diversificadas e a ponderar como atender à diversidade destas expectativas de forma efetiva. O grande desafio fica para a área de Recursos Humanos, que em parceria com os demais departamentos, pode atuar a fim de identificar estas necessidades e promover as soluções adequadas a elas. Diante disso, utilizar de maneira eficiente as competências que essas gerações possuem, respeitando suas diferenças e buscando estimular o crescimento da organização passam a ser assunto de debates, como o realizado pelo Comitê de Gestão de Pessoas da Amcham no dia 31 de julho.

Com o tema Multigeneration – Diferentes perfis, diferentes expectativas, o evento teve o patrocínio da Dynargie e contou com a participação de personalidades como Renato Guimarães Ferreira, professor dos cursos de graduação, pós-graduação e do programa de Educação Continuada para Executivos da FGV-EAESP, João Rached, Diretor de de Relações Institucionais do HSBC, Charles Lukower, Diretor de Recursos Humanos Latam da Sanofi e Raquel Malachias, Latam Recruiter do Google.

Entre os presentes, as diferenças quanto às necessidades de cada uma das três gerações ficaram claras: os mais jovens (Y e Z) são pautados pela liberdade de atuação, enquanto os outros trabalham melhor quando os valores da empresa fazem sentido para eles e estão alinhados com seus valores pessoais. Quem é Baby Boomer ou da geração X ainda busca qualidade de vida e convívio familiar. O evento contextualizou ainda o impacto da tecnologia nas empresas e na forma de gestão, destacando a interferência (positiva ou não) nas interações profissionais dentro e fora da organização.

Ao final do encontro, a Dynargie sorteou dois convites para os Seminários Abertos Comunicação Ascendente e Gestão de Pessoas, que ocorrerão entre os meses de agosto e setembro em São Paulo.

IMG_0671

 

IMG_0659

 

Comentário

Deixe um comentário

1 × 1 =

XHTML: Você pode usar: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Siga-nos nas redes