Saúde Mental – Prioridade na Agenda das Empresas

A atenção à saúde mental no trabalho tornou-se grande preocupação e prioridade na agenda das empresas.

Nesse cenário de enorme desafio que estamos enfrentando, bilhões de pessoas, no Brasil e no mundo, viram suas rotinas mudarem completamente. A incerteza em relação ao futuro tem gerado ansiedade, depressão e como consequência, agravado a saúde mental das pessoas.

Em uma recente pesquisa realizada em 11 países pela Workplace Intelligence em parceria com a Oracle com mais de 12.000 profissionais de todos os níveis e características de trabalho, 89% dos entrevistados relataram que a saúde mental foi afetada negativamente pela pandemia.

A atenção à saúde mental no trabalho tornou-se grande preocupação e prioridade na agenda das empresas. Frequentemente, a Dynargie é demandada para propor ferramentas e recursos que ajudem as lideranças em seu papel de preservar e recuperar o equilíbrio dos colaboradores que enfrentam dificuldades relacionadas à ansiedade, depressão e burnout.

Investir na saúde mental é um processo contínuo e que necessita sim de metodologia e ferramentas, na busca do bem-estar e da produtividade.

Como trabalhar a saúde mental no ambiente corporativo?

Neste momento, o papel dos líderes no apoio à equipe ganha ainda mais importância, incluindo ajudar em aspectos que envolvem a saúde mental, mapeando situações no ambiente de trabalho, estimulando a proximidade e o diálogo, trocando experiências, acolhendo e dando apoio aos colaboradores para que mantenham uma dinâmica, mesmo em home office, que continue produtiva e gerando resultados.

Aqui vão algumas dicas sobre como trabalhar a saúde mental no ambiente corporativo:

  • Mapeamento – é necessário entender bem o seu “universo”. Mapear a situação, o que tem impactado o ambiente e gerado pressão acima da média, índice de crescimento e quantidade de colaboradores sofrendo com esses transtornos. Preparar gestores para conduzir conversas e oferecerem respostas a questões sobre a saúde mental.
  • Cultura – no lugar de apenas informar a visão da empresa sobre a questão da saúde mental, é importante tangibilizar cuidados, implementando programas de prevenção aos riscos emocionais, incentivo às práticas que melhorem a qualidade de vida, treinamentos etc. Valorize o colaborador e sua experiência com a empresa.
  • Experiências: um aspecto que emergiu com a pandemia foi a quebra do tabu em torno das doenças emocionais. Antes tidas como questões psiquiátricas, que se restringiam à loucura, agora são encaradas com mais “naturalidade” e quase todo mundo já sentiu algum nível de desconforto no ambiente corporativo. Portanto, a universalidade da experiência deve ser compartilhada, principalmente por aqueles que estão no poder. Como líder, ser sincero sobre seus problemas de saúde mental deixa seus colaboradores à vontade para conversar e confidenciar seus próprios desafios psicológicos.
  • Comunicação: criar uma conexão por diálogo, reservar um tempo para escutar o colaborador. Ter uma conversa, ainda que breve, se tornou muito importante. Trabalhar em home office é, quase sempre, um caminhar solitário e nesse ambiente não é fácil perceber sinais de alguém que está enfrentando dificuldades.
  • Flexibilidade Inclusiva: além de estabelecer o diálogo, incentivar que ele seja frequente, pois somente assim o gestor poderá identificar possíveis problemas, propor solução e reiterar práticas favoráveis a uma boa saúde mental. A flexibilidade inclusiva parte de uma comunicação proativa, estabelecendo ações que ajudam as pessoas a criar e respeitar os limites de que precisam.

Ferramentas e recursos dinérgicos para apoiar os gestores

A Dynargie dispõe de metodologia e ferramentas para ajudar os gestores no desempenho do papel de ajudar as empresas a cuidarem da saúde mental dos colaboradores.

  • PlayWell (Gestão do Estresse) – um workshop que promove reflexão, debate e um plano de ação concreto para geração de um ambiente de bem-estar na organização. Com ferramentas simples, práticas e consistentes, nossos consultores ajudam os participantes a identificarem soluções que possibilitam gerenciar e manter o equilíbrio emocional (seu e de suas equipes) em relação às tensões do dia a dia, atuando preventivamente em função do bem-estar.
  • Inteligência Emocionalcapacitar o participante para identificação das emoções básicas e compostas que influenciam os nossos comportamentos cotidianos e em situações de estresse, sejam pessoais ou profissionais. Através do uso de dinâmicas lúdicas, construir uma estrutura de pensamento que contribui para o uso das emoções como aliadas pessoais e na gestão de pessoas.
  • Soft Skills a Click Away a partir da identificação (já durante a pandemia) dos principais gaps na gestão entre os ambientes presencial e remoto, a Dynargie criou três programas exclusivos para o desenvolvimento de competências a serem utilizadas para gestão e influência de pessoas e condução de reuniões. São novos conhecimentos que permitem aos participantes aprender como gerar, no ambiente virtual, o dinamismo necessário para obtenção de resultados, com uso sustentável da energia dos participantes.
  • YONDYÉ um mindset Dynargie que combina todos os métodos e ferramentas digitais inovadores, com o propósito de integrar a dimensão humana em todas as nossas experiências remotas de treinamento e aprendizagem. YONDY torna nossas interações online com os participantes mais leves, integradoras (valorizando a dimensão social) e efetivas, minimizando o desgaste naturalmente envolvido nessas situações.

Comentário

Deixe um comentário

1 × dois =

XHTML: Você pode usar: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Siga-nos nas redes